Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser! Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > COE mantém a suspensão das atividades presenciais escolares até 30 de agosto
Início do conteúdo da página
Notícias

COE mantém a suspensão das atividades presenciais escolares até 30 de agosto

Já o atendimento médico será reiniciado no início de agosto, assim que os equipamentos de proteção individual (EPI) encomendados pela instituição chegarem.

  • Publicado: Terça, 28 de Julho de 2020, 17h09
  • Última atualização em Sexta, 31 de Julho de 2020, 09h44
Mosaico com 4 fotos: no topo, à esquerda, um homem em pé sobre escada pinta uma parede que divide um corredor; ao lado, dois homens de máscara mostram o trabalho de instalação de divisórias em mesas; abaixo, à esquerda, uma sala pequena revestida de azulejos brancos, com mobilia verde água e duas prateleiras brancas; ao lado, dois compartimentos de um banheiro coletivo.
Enquanto isso, servidores e funcionários terceirizados preparam a instituição para o momento de reabertura das portas à comunidade.

 A reunião do Comitê Operativo de Emergência foi realizada ontem (28) por videoconferência. Durante toda a tarde foram discutidas questões que envolvem o trabalho remoto dos servidores e a situação dos funcionários terceirizados.  "Por enquanto permanece tudo como está e, no próximo dia 14, voltaremos a nos reunir para avaliar a situação e tomar as decisões cabíveis.  Mais uma vez reiteramos que estamos fazendo todos os esforços para preservar os contratos de trabalho terceirizados de modo pelo maior tempo", disse o diretor-geral do IBC, João Ricardo Melo Figueiredo. 

As negociações com as empresas terceirizadas são apenas parte do trabalho desenvolvido pelo  Departamento de Planejamento e Administração para manter a instituição pronta para a retomada das atividades presenciais assim que ela acontecer.  No mês de julho, foram realizados trabalhos de reforma e manutenção que seriam difíceis de serem executados com a instituição em funcionamento, como as obras do Serviço Médico (fotos acima) que, a partir da reabertura dos atendimentos oftalmológicos, ficará isolada dos demais espaços do IBC.

 "Além de cuidar da parte física da Instituição, desde o início do afastamento social os servidores e funcionários do DPA  mantiveram suas atividades em trabalho remoto, garantindo o andamento dos processos de pessoal, financeiro e de infraestrutura para que nada ou ninguém seja prejudicado por causa da pandemia ", concluiu a diretora do DPA, Maria Odete Duarte. 

  " No início foi muito complicado para a gente dar conta de tudo isso de repente, pois não sonhávamos com uma situação como a que vivemos.  Mas conseguimos nos organizar e até mesmo aproveitar este período para desenvolvermos trabalhos que vão impactar bastante a instituição daqui para frente" disse a chefe de gabinete Érica Deslandes Magno Oliveira, referindo-se à construção dos Planos Estratégico e Plurianual do IBC e à  implantação do Sistema Unificado de Administração Pública (SUAP), que  vai gerenciar eletronicamente todos os processos administrativos e acadêmicos do IBC, proporcionando maior rapidez e economicidade à gestão do Instituto.

"Neste sentido o trabalho remoto exigido pelo afastamento nos propiciou uma facilidade maior de nos reunirmos por videoconferência e elaborar esses trabalhos realmente muito grandes", avaliou a diretora do Departamento de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão (DPPE), Elise de Melo Borba Ferreira.  Além de colaborarem com a construção do PPA e do SUAP, o DPPE vem mantendo a programação dos cursos oferecidos à distância, o cadastramento de pesquisas e grupos de pesquisa, preparando três novas publicações, além das lives e podcasts semanais sobre os mais diversos assuntos produzidos pela Coordenação de Educação a Distância. Para agosto, está previsto o encaminhamento para aprovação do Conselho Diretor do Regulamento da Pós-Graduação, além de ações de preparação para o início do mestrado em agosto de 2021.

No âmbito do Departamento Técnico-Especializado (DTE), as atividades realizadas em julho continuarão no próximo mês, como  a avaliação dos livros em braille e tinta do Programa Nacional do Livro Didático acessível.  "Além disso, mesmo à distância, continuamos desenvolvendo materiais especializados, produzindo novos livros ampliados, preparando revistas para serem impressas quando retornarmos, além de revisarmos e editarmos os audiolivros gravados antes da pandemia, informou o diretor do DTE, Jefferson Moura.

Departamento de Estudos e Pesquisas Médicas e de Reabilitação (DMR), está aproveitando a pandemia para realizar obras importantes no setor, como reforma de banheiros e do  centro cirúrgico  "Algumas intervenções estão sendo feitas pensando no retorno às atividades presenciais num contexto de não cura, que vai exigir cuidados especiais para reduzir ao máximo o perigo de contágio pelo coronavírus, como o isolamento do setor médico da área escolar e a instalação de divisórias das mesas do refeitório dos alunos", explicou Márcia Lins, diretora substituta do DMR.

Também levando em conta os problemas emocionais decorrentes do isolamento social, o  serviço de psicologia do DMR tem realizado  o acompanhamento psicológico de vários alunos que estavam matriculados no Programa de Reabilitação no início de 2020. Os contatos têm sido realizados por telefone e através do aplicativo whatsapp, sendo que alguns reabilitandos têm participado de atendimentos em grupo.

"Os atendimentos oferecem o suporte psicológico e promovem a troca de experiências entre os membros sobre as formas de enfrentamento do sofrimento decorrente da pandemia do COVID-19, com especial atenção à interrupção do processo de reabilitação. Com isso,  criamos um espaço para a discussão sobre as questões ligadas  à deficiência visual e manutenção  do vínculo com o Programa de Reabilitação na perspectiva de uma futura retomada", complementou a psicóloga Sônia Regina Rocha.

Márcia informou também que a assistência social do IBC está entrando em contato com os pais de alunos da educação básica para saber quais estão em situação de vulnerabilidade.  De posse dessas informações, serão montadas cestas básicas que serão distribuídas a esses alunos, conforme determinação do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Já no Departamento de Educação (DED) o mês de julho foi marcado pela apresentação da primeira live junina do IBC, que em função do limite e do formato impostos pela plataforma, foi possível contar apenas com a participação de professores da equipe de artes organizando a parte artística e de mais alguns servidores do IBC. Também o departamento iniciou discussões sobre as possibilidades de atendimento remoto dos alunos. "Uma vez que a direção-geral defina as diretrizes e critérios para caracterização do trabalho remoto, poderemos avançar em agosto com uma proposta de trabalho a ser desenvolvido com os alunos enquanto durar o afastamento social", informou o diretor do DED, Luigi Amorim.

Segundo ele, ainda nesta semana será disponibilizado aos pais um questionário em relação a posição das famílias caso seja determinado o retorno as aulas presenciais e sobre as possibilidades de acesso a internet, caso seja preciso iniciarmos de forma mais sistemática o trabalho remoto com os alunos. "A pesquisa será importante para traçarmos nossa estratégia para os próximos meses e esperamos que todos participem", concluiu o diretor

O diretor-geral, João Ricardo Melo Figueiredo disse que, além da definição das regras para o trabalho remoto dos professores, irá realizar, em agosto, uma live para toda a comunidade acadêmica, no mesmo formato da live junina, onde as pessoas vão poder fazer perguntas por escrito, que serão respondidas durante ou depois do evento.  "É muito importante nos mantermos unidos nessa hora e termos outro momento juntos.  Assim que tivermos a data do evento avisaremos com antecedência para que todos participem", concluiu João.

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página