Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Notícias

Projeto Música no Museu promove concerto de harpa no IBC

O jovem harpista brasileiro, Daniel Zanata, foi um dos músicos que se apresentaram no XIII Festival Internacional de Harpa do Rio de Janeiro deste ano.

  • Publicado: Terça, 19 de Junho de 2018, 07h35
  • Última atualização em Terça, 19 de Junho de 2018, 12h30
  • Acessos: 265

 

O concerto foi na última sexta-feira (15) de junho, no Teatro Benjamin Constant, em uma apresentação especial para  alunos, reabilitandos e servidores do Instituto.

O programa foi aberto com uma apresentação do Grupo Ponto de Vista, formado por alunos da Reabilitação do IBC e dirigido pelos professores Caroline Camargo, Denis Martino Cota e Vanessa Zardini.

O Rio Harp Festival, como o evento é conhecido mundialmente, é um dos frutos de um projeto maior, que há 21 anos vem encantando platéias de todo o mundo: o Projeto Música no Museu, que promove apresentações gratuitas de músicas clássicas e populares, em lugares de interesse histórico-cultural.

Criado pelo  produtor cultural Sérgio da Costa Silva, o Música no Museu chega a fazer mais de 500 concertos por ano, ocupando cerca de 2.500 músicos não só dentro como fora do Brasil, já que uma das vertentes do projeto é divulgar a música brasileira em todo o mundo.  De 2006 para cá, o Projeto já esteve em cidades de Portugal, Espanha, França,  USA (inclusive no Carnegie Hall em Nova Iorque), Republica Tcheca, Marrocos, Índia, Itália, Alemanha, Áustria, Chile, Argentina, Vietnã  e Austrália.

 Ao final do conserto, o diretor do Projeto manifestou sua vontade de inserir o IBC no roteiro do Música no Museu.

 

           

           

registrado em:
Fim do conteúdo da página